Marketing de conteúdo e ecommerce: saiba como gerar conteúdo

O marketing de conteúdo ajuda a sua loja virtual a atrair e converter visitantes em consumidores, consumidores em clientes e clientes em compradores reincidentes.

O mercado de e-commerce é um sucesso no Brasil. Somente neste ano, mais de 52 mil pessoas realizaram a sua 1ª compra on-line no Dia do Consumidor. Diante de um mercado tão promissor, é preciso se destacar frente a concorrência, e uma das principais estratégias para conquistar o público — e, de quebra, melhorar o posicionamento do seu site nos buscadores, como o Google — é o marketing de conteúdo.

Para te ajudar a converter visitantes em consumidores, listamos algumas táticas que não podem faltar no seu e-commerce. Confira:

(Re)avalie o foco do seu negócio

Muitas lojas se questionam se vale a pena desviar o foco dos seus produtos para a produção de conteúdo. É óbvio que converter visitas em vendas é o principal objetivo de um e-commerce, o problema está em tornar esse o único foco da sua marca.

A maior parte dos visitantes não se torna compradores na 1ª visita. Com a disponibilidade de tantos sites e fontes de pesquisa, eles comparam o preço de produtos e serviços na internet e buscam o diferencial que aquela loja virtual oferece. Só então, eles estarão prontos e confiantes para fechar o negócio.

Muitas marcas acreditam que anúncio e preço baixo são os únicos atrativos de compra e se esquecem de cativar os clientes. Oferecer informações sobre o produto ou serviço — do jeito de usá-lo até como ele pode satisfazer as necessidades das pessoas — é a melhor estratégia para fazer com que o visitante veja a sua loja como uma referência no mercado.

Crie conteúdo adequado para o seu público

Antes de começar a produzir conteúdo, principalmente em forma de texto, é preciso conhecer o seu público consumidor ou persona. Um grande erro de lojas virtuais é tratar o texto como uma mera eventualidade, sem trazer qualquer conexão com os produtos ou serviços ofertados.

Vamos usar como exemplo um site de moda. Em vez de usar uma forma tradicional de publicidade, esse portal pode apostar na criação de textos sobre as roupas e os acessórios de celebridades e de fashionistas — e só então apresentar a opção de compra de produtos iguais ou similares.

Os leitores virtuais não estão em busca de textos curtos, como reza a lenda, mas, sim, de conteúdo que responde às suas questões e trazem algum diferencial. O texto, seja na descrição de um produto ou em longas postagens de blogs, deve criar um vínculo.

Lembre-se dos links e das palavras-chave

Um detalhe que passa quase despercebido para as lojas que produzem conteúdo é a criação de links entre as suas postagens e os seus produtos. Essa é uma forma de fazer com que o consumidor se mantenha nas páginas e também de despertar a curiosidade daqueles que não tinham intenção de comprar.

As palavras-chave também são essenciais para melhorar o seu posicionamento nos rankings de busca e são o melhor caminho para fazer o público chegar até você. Não deixe de pesquisar os termos mais comuns no seu nicho.

Ultimamente, os mais longos têm se destacado nas pesquisas, já que os consumidores estão cada vez mais específicos. No lugar de “conteúdo”, por exemplo, use “marketing de conteúdo para e-commerce”.

E não deixe de caprichar nos títulos, nas chamadas para as redes sociais e até mesmo na descrição das imagens!

Cuide da apresentação do seu e-commerce

As estratégias de marketing de conteúdo não estão ligadas somente ao texto. Pessoas que navegam pela internet são extremamente visuais, por isso imagens atrativas, design limpo, espaços bem segmentados e informações essenciais, visíveis ao primeiro olhar, são capazes de fisgar qualquer leitor.

Se esse visitante se sente atraído a passar algum tempo no seu site, a possibilidade de ele comprar aumenta. E com o tempo, você terá um cliente fiel, que favorita e compartilha o seu conteúdo, mostra para os amigos e agrega valor à sua marca.

Conclusão

A criação de conteúdo gratuito, livre e rico é extremamente importante no relacionamento com o público, já que desenvolve confiança, fortalece a marca, mantém o público informado e contribui para a classificação nos motores de busca. Além disso, o conteúdo pode ser compartilhado facilmente nas redes sociais, aumentando mais ainda o contato com a audiência.

O marketing de conteúdo ajuda a sua loja virtual a atrair e converter visitantes em consumidores, consumidores em clientes e clientes em compradores reincidentes.

Compartilhe: